InícioACREMunicípio de Brasileia celebra 113 anos com programação cultural e cívica

Município de Brasileia celebra 113 anos com programação cultural e cívica

Com apoio do governo do Acre, a Prefeitura do município de Brasileia, na fronteira com a Bolívia, realiza uma vasta programação cultural e cívica alusiva aos 113 anos de emancipação política. Um público recorde lotou a praça Ugo Poli neste sábado, 1º, no tradicional Carnavale.

Nesta segunda-feira, 3, acontece o desfile cívico de promoção ao nacionalismo, realizado por militares e as escolas municipais.

O titular da Secretária de Estado de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict), Assurbanipal Mesquita, representou o governo do estado neste sábado durante programação cultural. A deputada e líder do governo, Michele Melo respresentou a Assembleia Legislativa. Assurbanipal Mesquita falou da importância das parcerias regionais e do aquecimento da economia.

“O governador Gladson Cameli tem um carinho especial por Brasileia. O estado tem apoiado atividades como essas que promovem intercâmbio cultural e econômico, encontros de interesse associativo, institucional, de caráter comercial que gera renda e empregos. O Carnavale se tornou o maior evento fora de época e faz parte do calendário cultural do Acre”, acrescentou Mesquita.

A prefeita Fernanda Hassem agradeceu ao governo do Acre pelo apoio a programação Brasileia Resiliente, e lembrou os convênios firmados entre estado e município para melhoria estrutural urbana e rural. Para ela, o governador Gladson Cameli deu um presente ao povo de Brasileia.

“Faço questão de agradecer publicamente o apoio do estado a nossa programação. Foi um presente que o governador Gladson Cameli deu à nossa população que tanto sofreu no início do ano com a enchente. Esse evento é muito mais que cultura e empreendedorismo, representa uma reconstrução, daí o tema resiliência”, disse Fernanda.

Turismo e empreendedorismo

Turistas de Santa Catarina, Rondônia, de Rio Branco e dos países da Bolívia e do Peru, ajudaram a lotar a praça Ugo Poli. No sábado, duas bandas se apresentaram no palco principal. A cantora acreana Sandra Melo abriu a programação musical que contou ainda com o show de Jamil e uma noite, atração contratada direto de Salvador.

Mais de 50 empreendedores comercializam produtos no espaço do Carnavale. Toda rede hoteleira está lotada desde a última sexta-feira, dia 30.

A programação cívica começa às 18h, desta segunda-feira. Escolas municipais apresentam a história de Brasileia que se originou a partir do antigo Seringal Cameri, em 3 de julho de 1910.

 

Por: Assessoria de Comunicação do Governo do Acre

 

+ LIDAS

Proclamação da República.

+